Como funciona um código de barras?

Etiqueta com código de barras

O código de barras é uma representação digital de uma informação ou sequência de informações.

Qualquer texto ou número pode ficar contido no código de barras. Um leitor de código de barras (ou scanner) é capaz de interpretar as informações contidas nesse código de barras para mostrar informações legíveis.

Para que serve um código de barras?

O código de barras está diretamente ligado à captura de dados.

Ele automatiza esse processo de captura.Ao invés de digitar uma informação, a informação é capturada por um leitor óptico.

O código de barras é particularmente útil para agilizar o processamento de dados de um produto, eliminando também a chance de erros de digitação.

Se, por exemplo, um armazém precisa cadastrar a entrada e saída de caixas, o código de barras colado nas caixas é capaz de agilizar a captura dessas informações.

Mas é possível ir além. Se, nesse mesmo exemplo, o código de barras tiver um caractere incremental inserido nele (isto é, um número sequencial diferente um do outro), cada caixa terá uma identificação diferente, sendo possível saber o que tem em cada caixa. Esse tipo de impressão é possível com a impressão de dados variáveis!

Quais são os padrões de códigos?

Existem dezenas de padrões, todos aceitos internacionalmente, mas os 4 mais utilizados são:

Código EAN-13: Muito utilizado em automação comercial e atualmente o mais utilizado no comércio, limitado em 13 dígitos numéricos;

Código 2-de-5: Comumente usado em impressão de dados variáveis, mas limitado por ser necessário ter uma quantidade par de caracteres;

Code 128: Sem limites de quantidade de dígitos, pode ser usado em quase todas as situações. Também aceita caracteres numéricos e alfanuméricos; e

(PostNET) – amplamente usado no serviço de correios e postagens, principalmente pelo do Brasil (Sedex) e do Estados Unidos (USPS).

O que é um código EAN-13?

O código EAN é utilizado internacionalmente para automação comercial. Todo produto nacional ou estrangeiro, vendido em magazines, supermercados, lojas, etc utilizam o código EAN-13

Quem possui código EAN-13?

São os fabricantes de produtos que possuem códigos EAN-13. Seus produtos ao serem vendidos num magazine, por exemplo, são cadastros no banco de dados do magazine, com o código fornecido pelo fabricante.

Como obter um código EAN-13?

Em cada país do mundo existem órgãos competentes para cadastrar fabricantes e fornecer um código para cada fabricante. Um desses órgãos no Brasil é a GS1 (https://www.gs1br.org/).

O que tem dentro de um código EAN-13?

O código EAN-13 de produtos brasileiros possui:

(3 posições) – Código do país do fabricante. Para o Brasil, é “789”;
(4 a 7 posições) – Código do fabricante;
(1 a 5 posições) – Identificação do produto para este fabricante; e
(1 posição) – Dígito verificador, calculado com base em um algoritmo.

Observação: o fabricante tem liberdade para identificar seus artigos dentro desses 1 a 5 algarismos.

Posso alterar um código EAN?

Não é recomendado alterar códigos EAN, pois ao receberem um código EAN, seus produtos são cadastrados nos bancos de dados do órgão regulador (Cadastro Nacional de Produtos da GS1, por exemplo). Uma alteração pode causar problemas graves de identificação equivocada do seu produto no banco de dados.